28 de mar de 2012

Expedição Eldorado (14º Dia)



Hoje saímos de Guaqui Bolívia com destino a Cochabamba também na Bolívia, apesar de não termos comentado em posts anteriores, já sabíamos que na Bolívia não estavam vendendo gasolina para estrangeiros e quando vendem cobram 3 vezes mais...tínhamos a opção de usar a Rota original do Paraguai ou descer pelo Chile e Argentina, todos roteiros mais longos, com isso decidimos arriscar e retornar para o Brasil pela Bolívia mesmo.

Pois bem, o dia já começou difícil, são pedro resolveu despejar toda água que tinha lá em cima e se não fosse por isso...a cada posto que parávamos não nos atendiam e parece que faziam questão de nos tratar mau...passamos por 12 postos sem sucesso até a capital La Paz, chegando lá com a moto no limite, novamente fomos tratados com indiferença e não nos vendiam gasolina de jeito algum...quando já iriamos procurar ajuda no consulado Brasileiro, paramos numa tenda e conseguimos após quase nos humilhar comprar gasolina de populares por quase o dobro do preço dos postos.


Isso se deve porque a gasolina é subsidiada pelo governo e o gente boa do Evo Morales baixou uma resolução que é proibido vender gasolina para estrangeiros e se vender deverá ser pelo triplo do preço cobrado dos Bolivianos!

Após resolvermos o problema da gasolina momentaneamente saímos de La Paz com muita...muita chuva, e com os nervos a flor da pele num determinado trecho abri para ultrapassar uma carreta quando dei por mim vinha um carro ao contrário, freiei bruscamente e fui ao chão...estava entre 100 e 110 km/h...graças a deus sempre usamos bons equipamentos e com isso nada de mais me aconteceu...só foi um enorme susto!

Me recompus e fomos adiante...novamente mendigando gasolina, com chuva e o um frio insuportável, chegamos em cochabamba já de noite literalmente no limite...

Como o dia foi muito tumultuado, não conseguimos bater mais fotos!

Amanhã partiremos com destino a Santa Cruz de La Sierra!

                       Fiquem conosco e até amanhã!

7 comentários:

  1. Amigos, aqui de longe acompanhamos cada detalhe, sorrindo quando a situação é boa e preocupados quando a coisa aperta. A viagem fica a cada dia mais emocionante. Tenham força para superar as adversidades e dêem risada de tudo a cada final de dia! Abraços, Selva

    ResponderExcluir
  2. Grande pessoa Sr Márcio e seus amigos,agradeça sempre de todas as maneiras pela oportunidade de rodar o mundo e poder voltar aqui na terrinha inteiros e com muita história p/ contar, aliás só viveu de verdade quem tem boas histórias p/ contar!
    Abraço fiquem com Deus.

    Rosevaldo

    ResponderExcluir
  3. Um homem tem que contar com a sorte de vez em quando! Baita susto, mas está bem, a turma está unida e é o importa. Por pura curiosidade, mesmo pagando o triplo, a quanto sairia o litro da gasolina?

    ResponderExcluir
  4. Amigo Guisso, funciona assim:

    Preço da Gasolina para Boliviano, 3,74 em Reais ficará R$ 1,25
    Preço da Gasolina para Estrangeiros, 9,71 em Reais ficará R$ 3,24
    Preço da Gasolina em tendas (Mercado Negro) 6,00 Bolivianos em Reais ficará R$ 2,00...

    Então...amigo Guisso, o problema maior não é o preço e sim conseguir gasolina!

    Abraço!!!

    Rony, Marcio e Mario

    ResponderExcluir
  5. só q vc não acha gasolina, e quando acha eles humilha vc até o fim, eu cheguei oferecer 5 reais o litro, e o moça não vendeu.

    ResponderExcluir